Monday, April 30, 2007

Rotina

Quando eu tenho muito o que fazer, me dá uma lerdeza tão grande que eu fico vendo o tempo passar e não faço absolutamente nada. Parece que estou sendo engolida por uma onda gigantesca e não esboço reação.

Quarta-feira começam as minhas provas. Eu tenho tanta leitura acumulada a fazer que é melhor começar a rezar, porque ler tudo será impossível, já sei. Aí, seguindo minha tradicional forma de não correr atrás do prejuízo, joguei tudo para o alto e fui ao cinema ontem. Eu não ia ao cinema há séculos, e justamente quando não podia, fui.

O mês de maio vai ser cheíssimo. Vou fazer uma cirurgia dia 25. Coisa boba, nem vou precisar ficar de repouso depois, mas é um estresse pensar em ficar um dia presa no hospital e, pior, pensar no jejum antes da cirurgia. Odeio jejum, passo mal, tenho vertigens. Argh!

Não tenho postado porque minha conexão no trabalho anda péssima. Nem responder aos comentários tenho conseguido. Pela mesma razão, não tenho comentado em blogs alheios.

Antes de dormir, leio Sedaris e me entedio. Definitely overrated.

Sonho acordada com viagens ao exterior. Férias de tudo eu queria. Ser só eu e minhas demandas. Pitadinhas de egoísmo. Por que não?

Hoje é quase feriado, mas vim trabalhar. O trânsito antecipava o tipo de dia que teríamos aqui: vazio.

5 comments:

Léli said...

Eu queria férias de tudo também. Sei lá... ando cansada. Mas logo passa.
Beijo

Wagner said...

Hoje, quarta, suas provas devem ter começado — como você mesma disse. Espero que consiga tirar notas pelo menos razoáveis...

Nem me fale em viagens ao exterior: tudo o que eu mais queria (pois já faz tempo que não viajo — desde 98!), só que esta possibilidade nunca foi tão remota, remotíssima aliás. Se eu ainda jogasse na loteria...

Lys said...

Ôpa, deixa eu aproveitar que consegui me logar, para responder aos comentários. Passei semana toda tentando em vão.

Léli, o meu cansaço é até das pessoas. Tem umas para quem não estou conseguindo olhar. Eu acho que, de vez em quando, a gente merece férias de tudo. E as pessoas merecem ter férias da gente também, né? ;)

Wagner, as provas começaram ontem. Não me fale em notas "razoáveis"; eu sempre quero mais. Por isso, eu fico angustiada quando não estudo. Fico pensando "Se eu tivesse estudado..."

Sabe que eu estava fazendo as minhas contas agora, e a última vez que viajei ao exterior também foi em 98? Fiquei pasma. O meu probelma agora nem é tanto a falta de grana, mas a velha questão da prioridade. Eu QUERO meu apartamento, você sabe. Então ando num conflito absurdo agora, fazendo contas, medindo o que vale a pena. Eu quero muito ver outros lugares e ouvir outras línguas. Eu quero Paris, para ser bem sincera, mas vou acabar me contentando com Buenos Aires, que não causa impacto na poupancinha pró-casa própria. A pobreza é tão cansativa, vou te contar.

Marcos said...

Nossas vidinhas estão palheiras, só não vou me operar. Que tudo saia bem, mesmo com o jejum.

Paulo: Osrevni said...

Eu também tenho leituras acumuladas... e estou aqui lendo blogs!