Sunday, November 04, 2007

Nota da Redação

Eu não acesso, leio, comento ou escrevo mais blogs no trabalho. Não que fazer isso antes atrapalhasse o meu trabalho. É só uma questão de cuidado mesmo. Não quero misturar alhos com bugalhos, ou trabalho com diversão. Não fazia sentido que eu, que zelo tanto pela minha privacidade, continuasse deixando descoberto um flanco para todo o pessoal de TI da empresa.

Comprei um computador para uso exclusivo meu aqui em casa. Como eu consegui compartilhar uma máquina com meu irmão por todos esses anos me parece, agora, um mistério a ser investigado pela ciência. Ele é computer geek total e, a cada vez que eu ligava o PC, descobria que ele havia mudado alguma coisa de hardware ou movido arquivos e programas para cantos inescrutáveis. Era de torrar a paciência de qualquer santo, imagine o que acontecia comigo, que não tenho paciência nenhuma.

Com a compra do meu computador, evidenciou-se um outro problema: eu quase não tenho tempo livre que coincida com momentos de privacidade (condição sine qua non para alguém que pretende escrever um blog secretamente).

Então ficamos assim, caros amigos (vocês bem sabem quem são): a lê-los, continuarei, podem estar certos. Quanto a comentar ou escrever, fica para quando der. Se der.

8 comments:

Carla said...

E bom te-la de volta, ainda que muito de vez em quando. beijo!

Wagner said...

Entendo perfeitamente o não-uso do computador para questões pessoais no local de trabalho — ainda mais em se tratando do seu caso "sigiloso".
Pena que não houve compatibilidade entre ter o próprio computador e poder usá-lo em casa.
Enfim, espero que, apesar de tudo, você consiga encontrar alguns momentos para publicar o que sentir vontade.

Daniele said...

Aqui em casa são 5, a minha mãe só agora que começou a ficar viciada, mas o meu irmão e o meu pai já são casos totalmente perdidos. Antes eu era meio viciada, mas agora, glória a Deus, tô numa fase estudiosa.
Viver em família é maravilhoso (eu acho), mas a solidão é que gera posts. Para a infelicidade dos seus leitores.

rosangela said...

Mas pelo menos de vez em quando você vai ter um tempinho pra escrever... Que bom... :)

Marcos said...

Dará!

Suzana said...

VOLTAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Ai...!

Daniele said...

Volta sim! Tem pra mais de mês que cê num aparece.

Lys said...

Queridos, peço desculpas a todos vocês que têm a delicadeza de vir aqui e comentar sem que eu lhes dê uma resposta. Como eu expliquei no novo post, estou bem infeliz com este meu afastamento. Sinto uma falta genuína de escrever e de comentar o que vocês escrevem aqui e em outras paragens. Em janeiro, isso deve mudar um pouquinho (férias!). Enquanto isso, quero que saibam que estou lendo tudo, aos poucos, mas sem poder me manifestar neste exílio que eu mesma inventei para mim (Freud explica).